História dos video games - Parte 1

The P!nk Joystick // A História dos Video Games – Parte 1

Fala, galera do Level+ ! Espero que as festas de fim de ano de vocês tenham sido regadas a muita comida, games e presentes haha!

Primeiramente, eu gostaria de agradecer os nossos leitores pela preferência e pelos votos no Prêmio Top Blog 2012: Ficamos em segundo lugar no Júri Popular na Categoria Blog de Games! Acreditem, essa vitória também é de vocês, pois existimos por vocês! ♥

Hoje, eu inicio uma série de artigos sobre a história dos video games! Acho que, como jogadores assíduos que somos, temos o dever de conhecer a história dos video games! Are you ready?

O primeiro registro de um video game na história data de 1958. O primeiro jogo conhecido foi criado pelo Físico (LOUVADOS SEJAM OS FÍSICOS! táparei) Willy Higinbotham, para atrair visitantes ao Brookhaven National Laboratories, em Nova York. No auge da Guerra Fria, havia um dia para a visitação do laboratório pelo público, para que as pessoas conhecessem o poderio dos EUA naquela época. O jogo era, basicamente, um jogo de tênis: o “console” era um osciloscópio, processado por um computador analógico. Posteriormente, Higinbotham aperfeiçoou o game (chamando-o de “Tennis Programming”), fazendo com que ele fosse exibido em um monitor de 15 polegadas. O projeto jamais foi patenteado, e o “pai do video game” não ficou conhecido por esse invento, mas pela contribuição na invenção da bomba atômica.

O Osciloscópio

Era nesse osciloscópio que rodava o Tennis Programming!

No ano de 1961, Martin Graetz, Stephen Russell e Wayne Wiitanen desenvolveram um jogo chamado Spacewar!, considerado por alguns o primeiro jogo de video game da história. A primeira versão de Spacewar! rodou em um computador DEC PDP-1 em 1962, e foi programada por Stephen Russell, Peter Samson, Dan Edwards, Martin Graetz, Alan Kotok, Steve Piner e Robert A. Saunders. O jogo era todo programado em Assembly. O objetivo do projeto era o mesmo de Tennis Programming: chamar a atenção do público que visitava as instalações do MIT (Massachussets Institute of Technology, onde o computador ficava alocado). Apesar de muitos historiadores concordarem que o Spacewar! foi o primeiro jogo eletrônico do mundo, tem sido cada vez mais aceito que Willy Higinbotham e seu Tennis Programming foram os pioneiros na história dos video games.

Tela do Spacewar!

Spacewar! demonstrava alguns conceitos da Física, e também pode ser considerado o primeiro jogo “educativo” da história!

1966 foi o ano em que o primeiro protótipo de console começava a dar seu primeiro ar da graça. Ralph Baer, um alemão veterano da 2° Guerra Mundial (conhecido por ser o “pai dos consoles”) e engenheiro eletricista, era empregado de uma empresa chamada Sander Associates. Baer desenvolveu, com seus colegas de empresa, uma “máquina” que rodasse jogos eletrônicos através da TV, que fosse barato e acessível a todos e pudesse divertir a toda a família: nesse ano, surge o “chasing game“, algo como um ping-pong: dois quadrados na tela que podiam ser controlados pelo jogador. Em 1968, satisfeito com os resultados da sua ideia, Baer apresentou o protótipo do console, o “Brown Box”. O console rodava jogos de futebol, vôlei e até mesmo de tiro.

Controle do Odyssey

Controle do Odyssey

O protótipo foi exibido para várias empresas de eletrônicos da época (RCA, Zenith, General Electric, entre outras), mas foi a Magnavox (uma subsidiária da Philips) quem se interessou pelo “equipamento”, e o lançou no mercado sob o nome de Odyssey 100. Lançado em 1972, o Odyssey possuía um sistema rudimentar de “troca de cartuchos”, e até um rifle para ser usado em jogos de tiro. Os jogos vinham com folhas de papel para anotar os placares, e cartões de plástico que serviam como o “cenário” do jogo, já que a tecnologia da época ainda não era suficiente para gerar todo o realismo do jogo. No ano em que o Odyssey 100 foi lançado, foram vendidos 100.000 exemplares do console. Apesar do sucesso num primeiro momento, o Odyssey  foi sendo esquecido pelo público, principalmente por causa dos gráficos rudimentares mesmo naquela época.

Cartuchos do Odyssey

Cartuchos do Odyssey

Uma breve pesquisada no Youtube me deu uma boa surpresa: uma propaganda do Odyssey!!

Alguns leitores devem conhecer o nome Nolan Bushnell, o grande responsável pela popularização dos video games no mundo. Bushnell visitou o MIT na época em que o DEC PDP-1 rodava o Spacewar!, e ainda se recordava bem do jogo em 1969, quando se formou. Em 1971, trabalhando numa empresa chamada Ampex como pesquisador, Nolan desenvolveu uma versão arcade do jogo, juntamente com um colega de serviço, que ganhou o status de “primeiro fliperama da história“: foi lançado um ano antes do lançamento do Odyssey 100, porém o arcade era muito caro; Por causa disso, foram vendidos apenas 1500 unidades nos Estados Unidos.

O "Computer Space", o arcade criado por Nolan Bushnell

O “Computer Space”, o arcade criado por Nolan Bushnell

Bushnell não se deu por satisfeito. Mas a continuação da história vocês conferem no próximo artigo!

Lu Sabchuk
Lu Sabchuk

- Artigo por