TOP+ Parece mas não é

TOP+ // 5+ Parece mas não é…

Ahhh nada como jogar aquele game, destrinchar cada pixel, abrir cada Trophy/Achievement e depois ir se gabar para os amigos e descobrir que aquela gata que aparecia no game era na verdade um cara… ou vice-versa. Constrangedor!? No mínimo. Então amigos estamos aqui para evitar que você se engane mais uma vez com a lista dos personagens que parecem mas não são, confira aí. Parece mas não é!

5. Poison (Final Fight)

Poison - Final Fight

Sim ela é um homem, ou um transsexual se preferir, mas calma só na versão americana, deve ser fetiche daquele povo. Essa é  mais clássica mas também a menos vergonhosa de se errar… afinal Poison foi criada originalmente como mulher e quando o game chegou na terra do Tio Sam o povo da Capcom EUA achou feio bater em mulher e trocaram o gênero dessa moça… digo rapaz.

 

4. Samus Aran (Metroid)

Samus Aran - Metroid

Quem nunca pensou que o protagonista da série Metroid fosse um homem que jogue a primeira pedra. É amigos por trás daquela armadura poderosa se esconde uma bela loira Samus Aran de biquíni, ou não, isso depende da sua habilidade para fechar o game rápido o suficiente.

 

3. Sheik (The Legend of Zelda: Ocarina of Time)

Sheik - The Legend of Zelda: Ocarina of Time

Tudo bem esse você já deve ter descoberto sozinho sobre o Sheik ao jogar o game, mas senão cuidado aí vai um..

SPOILER!

Ele é ela, mais precisamente a princesa Zelda.

Apesar de o jogo te dar essa notícia na hora é sempre surpreendente.

 

2. Birdo (Super Mario)

Birdo - Super Mario

Tá bom quem liga pro Birdo, é um garoto apesar da cor rosa e do lacinho na cabeça. Aposto que muitos Koopa Troppa foram enganados nessa.

 

1. Bridget (Guilty Gear)

Bridget - Guilty Gear

Tá aí um personagem que confunde muita gente até hoje. Sim Bridget é um garoto, mas que tenta parecer uma garota, ele não tem culpa foi criado pelos pais como uma. Agora você já pode tirar sarro daquele seu amigo que acha ele uma gata.

 

Conhece mais alguns? Mande suas sugestões…

pcteilor
pcteilor

- Artigo por